sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Fox Paulistinha ou Terrier Brasileiro?

                 Reconhecimento da Raça
Desde o reconhecimento internacional da raça de forma provisória junto à FCI (1995) o Fox Paulistinha passou a ser chamado oficialmente de Terrier Brasileiro.

Como São Paulo foi o estado que inicialmente mais aglutinava criadores da raça que lutavam pelo reconhecimento da mesma, e seus estudos indicavam até aquele momento tal região como a que mais se encontravam exemplares, o nome inicialmente escolhido para representar a raça foi Fox Paulistinha, tanto que, no ano de 1964 quando foi  elaborado o primeiro padrão oficial o nome escolhido não poderia ser outro.

Em 1973 a CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia) suspendeu a emissão de pedigrees em função da insuficiente quantidade de exemplares para manter a raça.
               
     Canil Pedra de Guaratiba - 27 anos! Terrier Brasileiro (Fox Paulistinha)! Clique na imagem para visitar!
http://www.canilpguaratiba.com

Mas, com o passar dos anos a raça conseguiu propagação a nível nacional, ocorrendo dessa forma um aumento significativo no trabalho de criação, podendo-se observar a existência da raça não só em São Paulo, mas em todo território nacional, passando então a ser chamado de terrier do Brasil, ou seja, Terrier Brasileiro.

A partir desse ponto inicia-se um longo processo de trabalho com o objetivo de se obter o reconhecimento internacional da raça. Sendo assim, em 1995 à FCI (Federação Cinológica Internacional), sediada na Bégica, reconhece a raça de forma provisória. Vindo então o registro em definitivo no ano de e em 2006.